Jornal do Jardim | O lado “sombrio” de Toy Story e outras coisas

0

Olá, falangeiros dessa internet conspiratória, bem-vindos a mais uma edição do Jornal do Jardim, com sua âncora favorita (melhor que a Fátima, mesmo)!

A primeira notícia vai parecer teoria da conspiração, mas juro que não é coisa da produção do Jornal do Jardim.

Woody bateu a cabeça e não lembra de nada?!

Em Toy Story 2, fica claro que o Woody teria tido outro ou outros donos antes de Andy. Obviamente, os fãs da obra da Pixar (ou Disney, isso é confuso ainda) ficaram com a pulga atrás da orelha em relação a isso e o que levou Woody a não falar em nenhum momento durante os três filmes de seu passado antes de Andy. Eis que foi finalmente revelado o motivo disso e, por incrível que pareça, não é lenda urbana.

Quem revelou a notícia foi Joe Ranft, ex roteirista da Pixar, que compartilhou essa informação com um amigo dele, Mike Mozart. Mozart, por meio do seu canal no YouTube (SuperCarlinBrothers), divulgou melhor essa informação que dizem ser “sombria”. Vou explicar. Não é que seja sombria, mas é um tanto triste.

Woody, Sr. Cabeça de Batata e o Slinky, segundo essa informação, teriam sido brinquedos do pai de Andy, Sr. Andy. Sendo assim, o Andy na sola do sapato de Woody não é do Andy Jr, e sim o nome do seu pai gravado. Ok, Adelfa, mas cadê a parte sombria e por que o pai dele não aparece nos filmes? Simples. O Sr. Andy, quando criança, contraiu poliomielite e todos os seus pertences foram queimados por segurança; quer dizer, nem todos. Ele conseguiu salvar consigo os três brinquedos.

Caso você não sabia bem o que é essa doença, vou dar uma rápida explicação. Poliomielite é o que chamamos mais popularmente de “paralisia infantil”, sendo uma doença viral que pode levar à paralisia total ou parcial da pessoa (sabe a “vacina da gotinha”? Então, é uma das prevenções contra a doença nas crianças).

Mas se ele conseguiu ficar bem, o que aconteceu? Bem, o pai de Andy viveu até a maior idade, construiu sua família enquanto seus três brinquedos haviam sido guardados por ele. Mas a doença volta e, antes de sua morte, o pai de Andy o apresenta ao baú. Após sua morte, Andy finalmente abre o lugar e encontra Woody, Sr. Cabeça de Batata e Slinky. Pelo que diz essa informação, os três brinquedos acham que Andy continua sendo o menino que era dono deles, o pai de Andy. Principalmente por serem parecidos. Em uma cena do segundo filme de Toy Story, tem o retrato do Sr. Andy quando criança nas paredes da escada.

Cena em que Woody desce as escadas pelo corrimão no segundo filme.

Pra mim isso não foi nenhuma “amnésia” como estão falando. Ele tecnicamente não se esqueceu do seu dono, como se tivesse batido a cabeça, mas sim seguiu como se apenas tivesse ficado guardado por muito tempo. Então, nada de sombrio nisso e nem de conspiração da Deep Web.

Mas mudando de assunto… Quem mais está ansioso com Castlevania?

Não sei vocês, mas eu estou empolgada, quase aflita, pra assistir essa nova série Castlevania da Netflix. Foi divulgado agora a música de abertura feita por Trevor Morris que tem outros trabalhos em produções como Vikings (<3), Punho de Ferro e jogos como Army of Two e Dragon Age: Inquisition.

Castlevania será dividida em duas partes pela Netflix, uma será lançada esse ano em 7 de julho (que não chega! </3) e a outra parte apenas no próximo ano, 2018.

Nos resta ouvir essa música e torcer pra essa série baseada nos jogos da Konami ser mesmo tão linda quanto promete!

Agora, falando de outro filme…

Apesar dele não estar sendo tão esperado, confesso que estou ansiosa por ele. The Foreigner ganhou seu primeiro trailer, sendo classificado como filme de suspense e ação. Não sei vocês, mas tenho grande dificuldade em ver Jackie Chan num filme com essa proposta… Mas, por enquanto, o trailer está interessante.

Martin Campbell (007 – Casino Royale) é o responsável pela direção do filme, que tem no papel principal Jackie Chan, e Pierce Brosnan (James Bond em quatro filmes da série 007) também está no elenco. A estréia por enquanto será em setembro na China.

Então é isso Rosas e Cravos, o Jornal do Jardim termina mais uma edição. Mas logo voltamos <3.
Beijinhos espinhosos e sintam saudade ( é sério… tem que sentir) <3.