Adam West | As homenagens ao Batman dos anos 60

0
84

Vinheta BastilleBonjour! Como vocês provavelmente já sabem, na sexta-feira, dia 9 de junho, o ator Adam West, que sofria com leucemia, faleceu aos 88 anos. Uma notícia que abalou os fãs de cultura pop. Adam West era mundialmente conhecido por ter interpretado, nos anos 60, o super-herói da DC Batman, na série homônima. 120 episódios foram ao ar ao longo de três temporadas entre 1966 e 1968.

Bat-sinal em Los Angeles

Apesar de ter obtido vários outros papéis ao longo de 63 anos de carreira, Adam West nunca conseguiu se livrar daquele que o deixou famoso, sendo eternamente o Batman. Então, nada mais justo do que uma bat-homenagem. Na quinta-feira, dia 15 de junho, durante uma cerimônia protagonizada pelo prefeito e o chefe da polícia de Los Angeles (Eric Garcetti e Charlie Beck), um bat-sinal foi utilizado para iluminar a torre da prefeitura de LA. Centenas de pessoas estavam presentes, como podem ver aqui ou na pequena reportagem do jornal britânico The Telegraph.

Adam West

A cerimônia também contou com um breve discurso de Burt Ward, que interpretava Robin ao lado de Adam West no seriado.

Meus caros amigos, deixem eu contar para vocês. Ele era um grande homem de família, um esposo maravilhoso e um pai maravilhoso para os filhos dele. Ele amava a humanidade e ele amava seus fãs. Estou aqui para lhes dizer que meu amigo Adam gostaria que cada um de vocês estivesse incrivelmente feliz e alegre, porque ele passou a vida toda, como artista, fazendo as pessoas felizes, fazendo elas rirem e tentando tornar esse mundo em um lugar melhor.

Episódio de Powerless

A segunda homenagem ao ator veio da DC Entertainment. Na sexta-feira, dia 16 de junho, foi publicado um episódio de Powerless que nunca foi ao ar, e em que Adam West fez uma aparição especial. A exibição é importante, pois o seriado Powerless foi cancelado após uma temporada. Compartilhar um dos últimos trabalhos de Adam West mostra o carinho que a DC tem com seu eterno Batman. Vocês podem ver o episódio completo no vídeo abaixo.

Episódio de Uma Família da Pesada (Family Guy)

No seriado Uma Família da Pesada, Adam West tinha seu próprio personagem, o Prefeito Adam West. O episódio The Dating Game (temporada 15, episódio 14, 5 de março de 2017), especificamente, focou neste personagem, e ele foi exibido novamente no domingo, dia 18 de junho, na Fox.

O criador da série, Seth MacFarlane, ainda comentou:

Uma Família da Pesada perdeu seu prefeito, e eu perdi um amigo. Era uma alegria trabalhar com Adam West, ele era o tipo de cara que você sempre quer por perto. A positividade, natureza boa e senso de humor dele eram indiscutíveis, e sempre havia um grande raio do melhor tipo de energia quando ele chegava para gravar o show. Ele entendia de comédia, e ele entendia da humanidade… Sou mais do que afortunado de ter tido o privilégio de trabalhar com ele, e todos nós sentiremos profundamente sua falta. Obrigado do fundo do meu coração por tudo o que deu, Senhor Prefeito. Você é insubstituível.

Adam West será o Batman mais uma vez

Apesar do falecimento do ator, ainda o veremos no papel do Batman. Adam West, alguns meses antes de partir, terminou as gravações do filme de animação da DC/Warner Batman vs. Two-Face. O filme estará disponível mais tarde esse ano, em DVD, Blu-Ray e Digital HD. Uma espécie de despedida.

Oi. Dá licença aqui, Bastille?náusea vinheta

Minha camaradagem, talvez você tenha estranhado o fato do Nauseão da massa não ter falado nada sobre isso. Logo o Náusea, velho de guerra, que provavelmente assistiu pra caralho a série do Batman ao longo da infância.

Ou de repente não estranhou nada, na real nem sabe quem sou eu e mesmo acessando a Falange toda hora, só agora percebeu que somos em seis aqui; mas eu prefiro acreditar na primeira hipótese, porque faz bem pra auto-estima.

O lance é que eu tô meio de saco cheio de dar notícias de falecimento por aqui. Pode reparar, ao longo de 2016 eu meio que virei o “cara do obituário” e isso é uma merda. Nesse caso então, não deu pra mim.

Eu sou da geração que assistia às reprises da série todo santo dia no SBT, o maior canal de tv que você respeita, depois da Rede Manchete. Tanto que custei a acreditar que eram só três temporadas. De lá pra cá, muita coisa mudou; o mundo mudou e o Batman então, taquepariu, como mudou.

Mas, acredite, se hoje esse Batman barrigudinho, andando em plena luz do dia, com as sobrancelhas desenhadas na máscara, parece só uma paródia do Batman “de verdade”, carrancudo e amargo com o qual você está habituado, durante mais de vinte anos Adam West era O BATMAN e acabou, porra.

A série nasceu no fim da Era de Prata dos gibis (1956 a 1970) e suas reprises continuaram até a Era Moderna, fazendo com que o inconsciente coletivo de pelo menos três gerações enxergasse Adam West como o Batman definitivo até hoje.

E isso é muita coisa, fodas. Isso é coisa pra caralho.

Agora chega, que entrou um cisco no meu olho aqui. Bjundas.