Guardiões da Galáxia Vol. 2 | Quem é Ego, o Planeta Vivo?

0

náusea vinheta

Minha camaradagem

Se você acompanha minimamente o nosso trabalho por aqui – e se você leu a resenha de Guardiões Vol. 2 – deve ter percebido que eu perdi simplesmente todos os prazos que eu mesmo estipulei pros outros posts de Guardiões. Perdão pelo vacilo.

Ego
CL

Pior que nem foi isso: a Mãe – que quebrou meu galho com o post do Adam – até explicou por alto, mas o lance é que meu bar tá metade queimado, o seguro não vai cobrir e eu decidi deixar desse jeito mesmo. Se pá eu falo que é decoração rústica e de repente até consigo triplicar o preço dos gorós. Funciona no Leblon.

O Carcaju tá bem, valeu por perguntar. Eu, ele e o cara da fiscalização começamos uma rodada de dominó, regada com Lúpulo Lupus. Eu mando pra caralho no dominó, então não deu pra eles. Carcaju até aguenta bebida – já viu o tamanho dele? – mas a Lupus é foda.

Enfim, vamos ao post

Ego, o Planeta Vivo é a cara dos anos 70 e todo aquele climão esotérico -astrológico- viajado que também acompanha o Doutor Estranho. Foi criado só pelo Stan Lee e pelo Jack Kirby e apareceu pela primeira vez em 1966, nos gibis do Thor.

Ego é absurdamente inteligente, além de poder controlar sua própria forma e absorver qualquer ser vivo que esteja em sua superfície. Ele tem também poderes mentais e, de acordo com os roteiros de Stan Lee, Ego possui órgãos internos, como qualquer organismo vivo teria.

Será que ele caga?

Não sei, cara. Pensei nisso também.

Ego

Nessa época ele entrava numa de conquistar outros planetas, não sei muito bem pra quê, na real. Também teve uma fase em que ele meio que deixou de ser vilão, mas por puro interesse: Galactus tentou comer o Ego uma vez – tô ligado que tu imaginou isso aí, seu doente – e foi salvo pelo próprio Thor. Como gratidão, ele até recebeu uma raça de alienígenas sem terra na sua superfície – os Andarilhos – que haviam perdido seu planeta natal anteriormente para o “comedor de mundos”.

Corta para a década de 1970 e Ego continua sendo parte de algumas sagas espaciais da Marvel. Ficamos sabendo quem foi seu criador – uma entidade cósmica chamada “O Estranho”. Além disso, Ego possui um “irmão gêmeo”, chamado Alter-Ego, que foi criado pelo Estranho para enfrentar Ego e ver qual Planeta Vivo era o mais forte.

Seria tipo sinuca essa luta aí?

Ou gude, nunca saberemos.

Por razões óbvias, Ego aparece relativamente pouco, comparando com outros personagens da Marvel. Entre idas e vindas ele já enfrentou Galactus algumas vezes, lutou com Bill Raio Beta – o alienígena com cara de cavalo que tem os poderes do Thor –, encarou o Thanos mais de uma vez, além de quase ter feito parte da Nova Corps – os Lanternas Verdes genéricos da Marvel.

Ego

Fora dos gibis…

Além do filme dos Guardiões, Ego já apareceu nos desenhos do Quarteto Fantástico e também do Surfista Prateado, ambos dos loucos anos noventa.

Ego

Mais recentemente ele foi um inimigo em Hulk e os Agentes de S.M.A.S.H também. O interessante dessa versão é que ela se aproxima mais da versão do cinema, já que o “verdadeiro Ego” na real tem o tamanho de uma bola de futebol e fica escondido no núcleo do planeta.

Porra, o Ego tem barba, né? Já parou pra pensar nisso?

Ego the Living Planet

E o tal do Alter-Ego?

Ego
Só uma mordidinha entre amigos.

Nos gibis esse irmão gêmeo acabou aparecendo e eles de fato brigaram. Ego só não o matou por conta de uma interferência do Thor.

Hoje, o que sobrou do Alter-Ego virou uma espécie de Lua particular e Ego agora tem um amiguinho, olha só que supimpa.

Ego

Então é isso,

Não, eu não vou colocar data de novo no post sobre Howard, o Pato, mas deve sair essa semana. Ou não. Bjundas.