Boletim Bastille | Primeira Doutora Who e filme solo do Hulk improvável

0

Vinheta de BastilleBonjour! Hoje é quinta, hoje tem Boletim Bastille e suas notícias heróicas! Bem, a primeira delas não tem a ver com super-heróis, mas nem por isso é menos importante. Vejam só o programação de hoje (sim, só tem duas, mas é porque eu tenho muito o que falar sobre esses dois assuntos):
– Próximo Doctor Who é uma Doutora Who;
Hulk nunca terá um filme solo.

Doutora Who | Finalmente, uma mulher no papel do Doctor

Motivo de alegria para uns, de reclamações para outros (eu sou os “uns”, espero que vocês também). Desde 1963, Doctor Who teve 26 temporadas e, por conta do novo formato iniciado em 2005, 10 “séries”. Essa coisa de temporadas e séries pode ser confusa, sim. Como essas “séries” funcionam como temporadas, podemos considerar que teve 36 temporadas. E, ao longo disso tudo, conhecemos 12 doutores. Todos homens, todos brancos (sem comentários…). Até agora. Depois de meses de rumores, foi anunciado que o novo Doutor será, na verdade, uma Doutora, a ser interpretada por Jodie Whittaker.

Na conta oficial da série no Twitter, um trailer foi divulgado, apenas com a legenda “Conheça o Décimo Terceiro Doutor. #DoctorWho #Doctor13”. Sendo que, em inglês, a palavra “Doctor” não tem gênero.

O trailer não conta absolutamente nada sobre a história da Doutora. Esse não é seu objetivo, já que ele serve apenas para apresentar a nova protagonista. E desde a divulgação deste trailer, houve muitas reclamações. Não por causa da atriz em si, mas apenas pelo fato da série ter umA doutorA.

A BBC, o canal que produz e exibe o seriado desde seu início, se pronunciou em um comunicado oficial, em resposta a essas reclamações misóginas.

Desde que o primeiro Doutor se regenerou em 1966, o conceito do Doutor como um ser que evolui constantemente foi central no programa. A inclusão contínua de ideias novas e vozes novas através do elenco, do roteiro e da equipe de produção foram a chave para a longevidade da série.

O Doutor é um alienígena do planeta Gallifrey e foi estabelecido no show que os Senhores do Tempo podem trocar de gênero.

Como o chefe da BBC Drama disse, Jodie não é apenas uma atriz talentosa, mas ela tem uma visão consistente e brilhante de sua Doutora. Ela acertou em sua audição tecnicamente e com a energia vital feminina poderosa que ela traz para o papel. Ela é destinada a ser uma Doutora completamente icônica.

Esperamos que os telespectadores gostem do que guardamos para a continuação da estória.

A atriz Jodie Whittaker também fez alguns comentários sobre seu papel recém obtido.

É um sentimento extremamente animador, como feminista, como mulher, como ator, como humano, como alguém que busca sempre se superar e não quer ser limitado pelo que dizem que pode ou não pode ser. É incrível. […] É um momento realmente empolgante e Doctor Who representa tudo o que é empolgante no que diz respeito à mudança. Os fãs viveram tantas mudanças e essa é apenas uma mudança nova e diferente, não uma mudança assustadora”.

Em um universo tão louco, em que um Doutor vindo de um planeta fictício é capaz de reincarnar, não vejo porque detalhes como gênero podem incomodar. De qualquer forma, as reclamações não mudarão o que está previsto, e a primeira aparição de Jodie Whittake como The Doctor será no especial de Natal deste ano. Assunto encerrado.

Jodie Whittaker interpretará a primeira Doutora Who, na série 'Doctor Who'.

Hulk | Direitos de distribuição impedem filme solo

A D23 Expo rendeu muitos novidades sobre produtos que a Disney possui – Star Wars, Dumbo, Rei Leão e Toy Story, entre outros. E o evento contou com a presença de vários atores do Universo Cinematográfico da Marvel, com o objetivo de promover Avengers: Guerra Infinita (Avengers: Infinity War), previsto para ano que vem. Um deles é Mark Ruffalo, que interpreta Bruce Banner / Hulk no MCU e falou sobre a possibilidade de vermos outro filme solo do Hulk.

Ruffalo foi bem direto quanto ao assunto: não haverá outro filme solo do Hulk. E não hesitou em jogar a culpa disso na Universal.

Quero deixar uma coisa bem clara hoje: um filme solo do Hulk nunca acontecerá. Porque a Universal tem os direitos sobre filmes solos do Hulk, e por algum motivo eles não sabem se dar bem com a Marvel e eles não querem ganhar dinheiro. […]

Toda a questão dos direitos é bem complexa, pois existem dois tipos de direitos: de produção e de distribuição. Podem ver esse artigo para informações detalhadas (em inglês); eu vou tentar resumir aqui.

No caso do Hulk, a Marvel/Disney possui os direitos de produção. Isto é, o direito de usar o personagem em seus filmes, como fez até agora com os filmes dos Vingadores. Mas os direitos de distribuição estão, por um tempo indefinido, com a Universal. Quem possui os direitos de distribuição é quem decide pôr os filmes do determinado personagem no cinema, quem negocia com os cinemas, quem decide a data de estreia, e ganha uma porcentagem sobre a bilheteria. Então, para um possível filme do Hulk, a Universal tomaria essas decisões.

A Universal possuía os direitos de produção e de distribuição do Hulk quando fizeram o filme homônimo de 2003. Depois, os direitos de produção foram vendidos para a Marvel, e o filme de 2008 O Incrível Hulk (The Incredible Hulk) foi fruto, então, de uma parceria. Como a Marvel, no início de seu MCU, apenas produzia os filmes, não tinha problema em serem distribuídos por outras empresas. Mas desde que foi comprada pela Disney, os filmes do MCU são produzidos e distribuídos pela Disney, e a empresa não quer que seja distribuído por outra. Ao mesmo tempo, pelo que Ruffalo disse, a Universal não parece querer deixar outra empresa produzir o filme.

Um pouco complexo, não é? Mas, resumindo, Ruffalo provavelmente está certo, e não veremos outro filme do Hulk no MCU. Até porque já estamos no meio da fase 3, e é provável que os Vingadores originais comecem a desaparecer do universo, aos poucos. Mas, para compensar a ausência de um filme próprio, há uma chance do personagem ser determinante no próximo filme de Thor, Ragnarok, que chega em novembro.

Mark Ruffalo interpreta Bruce Banner / Hulk no Universo Cinematográfico da Marvel.

Bem, falangeir@s, é tudo por hoje, mas nos vemos quinta que vem para mais notícias heróicas vindas direto da Comic-Con. À bientôt!